Skip to Store Area:

Loja Virtual

MEDITATIO - PALAVRAS PARA AQUECER O CORAÇÃO - Manoel Neto

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

MEDITATIO - PALAVRAS PARA AQUECER O CORAÇÃO - Manoel Neto

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

R$22,00
Acrescentar itens ao carrinho Comprar

Descrição Rápida

Manoel Neto é bacharel em Teologia formado pela Faculdade Teológica Batista-FTBB de Brasília. Bacharel em Administração de Empresas formado pela Universidade do Distrito Federal-UDF. Pós-graduado em alta gestão formado pela Fundação Getúlio Vargas-FGV. Também é Mestre em Teologia formado pela Escola Superior de Teologia-EST no Rio Grande do Sul. Atualmente é o vice-presidente da Primeira Igreja Batista No Cruzeiro Novo-DF. Professor Universitário nas áreas de Administração de Empresas e Teologia. É escritor com cinco títulos publicados: Quando Tudo Falha- As Crises Revelam Quem Verdadeiramente Somos; Há Esperança- Certezas Para Tempos de Incertezas; Deus Fala, Fala Fácil e Repete; O Enigma da Dor- Enxergando Benefícios no Sofrimento; Meditatio- Palavras para aquecer o Coração. Manoel Neto é casado com Adriana e pai de Emanuelle.

ISBN: 978-85-8197-026-4

1.Moral cristã e teologia devocional. 2.Cristianismo 1.Título

CDD 230 - 124 páginas



Estudos recentes no campo da Psicologia e da Neurolinguística dão conta de que perpassam pela mente humana cerca de cinquenta mil pensamentos diários. Neste livro estão apenas cinquenta pensamentos em forma de reflexões, isto é, 0,1% (um décimo, ou seja, 10% de 1%) de todos os pensamentos que fluirão de sua mente a cada dia. Contudo, creio que apenas um desses pensamentos transformados em ação a partir das meditações constantes neste livro poderá mudar sua vida para sempre. Meditar é uma atividade inerente ao homem. Meditar, pensar, refletir, considerar, avaliar. Esses e muitos outros verbos se entrelaçam na atividade meditativa. A Bíblia é sobeja em instar as pessoas à meditação. Não há lugar ou ocasião específica para o exercício da meditação. É possível meditar no meio do templo (Salmo 48:9). Na própria cama enquanto o sono não chega (Salmo 63:6). É possível ainda refletir a partir da própria existência humana (Salmo 119:59). Também é possível fazer do passado uma ferramenta poderosa para a meditação (Deuteronômio 32:7). Considerar as maravilhas de Deus faz mergulhar no oceano da meditação (Jó 37:14). O interesse de Deus pelo homem pode se constituir em momentos de intensas reflexões (Salmo 8:3, 4). Por outro lado, os desapontamentos da vida presente se constituem em oportunidades sublimes para se considerar e rever procedimentos (Ageu 1:6). O cuidado de Deus pela natureza nos remete a agudas reflexões acerca do cuidado de Deus por nós (Mateus 6:28, 29). Contudo, nenhuma meditação ou reflexão acerca da vida presente ou futura terá a eficácia para mudar o curso da vida se não for à luz da Palavra de Deus e na inigualável vida de Jesus Cristo. Primeiramente porque só em Jesus encontramos referencial abundante para meditação acerca de todas as facetas da vida. O autor da carta aos Hebreus remete para Jesus o exemplo de vida a ser considerado em qualquer meditação quando diz: “Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não vos fatigueis, desmaiando em vossas almas” (Hebreus 12:3). Já as palavras dirigidas a Josué constituem-se em paradigmas quando se trata de meditação: “Não cesses de falar deste livro da lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer segundo a tudo quanto nele está escrito; então farás prosperar o teu caminho e serás bem sucedido” (Josué 1:8). A meditação na lei do Senhor é o prazer do justo (Salmo 1:2). Meditar na Palavra de Deus é o mesmo que atear fogo ao coração. Assim entendia o salmista quando disse: “Esbraseou-se-me no peito o coração; enquanto eu meditava ateou-se fogo” (Salmo 39:3). A meditação deve ser uma disciplina espiritual agradável. A meditação deve promover prazer e alegria. Alegria para quem medita e para Deus, afinal Ele “sonda mente e corações”. O salmista sabia que sua meditação deveria ser agradável a Deus, pois disse: “seja-lhe agradável a minha meditação; eu me alegrarei no Senhor (Salmo 119:15, 99). Minha oração é para que as palavras deste livro possam atear fogo em seu coração e à semelhança do salmista você possa dizer: “Esbraseou-se-me no peito o coração; enquanto eu meditava ateou-se fogo”.

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.