Skip to Store Area:

Loja Virtual

De Homens de Motos e os Poemas do Fim do Mundo - G. Gaitero

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

De Homens de Motos e os Poemas do Fim do Mundo - G. Gaitero

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

R$37,90
Acrescentar itens ao carrinho Comprar

Descrição Rápida

 G. Gaitero

Assis, Gláucio Braga - G.Gaitero / AGBragah
De Homens de Motos e os Poemas do Fim do Mundo

ISBN: 978-85-63869-09-8

1.Literatura Brasileira 1.Título
CDD B869 - 200 págs.

 ** A obra conta com uma parte documental, ricamente ilustrada com fotografias da Expedição Xshuaia2009, que foi uma viagem de motocicleta de quase 16.000 quilômetros, por 04 países sul-americanos, Brasil, Uruguai, Argentina e Chile, que pode ser conhecida a partir do blog: http://www.ateofimdomundoemduasrodas.blogspot.com/

 



O Autor

G. Gaitero assina o autor Gláucio Braga Assis. Nascido em Brasília, 1965, integra a primeira geração de escritores da cidade.
Esse motociclista, mochileiro, ex-publicitário, já excursionou pelas montanhas geladas dos Andes, rodou pelos países sul-americanos em sua motocicleta, navegou pelo Amazonas, conheceu aldeias dos índios krahôs do norte do Tocantins, desbravou os desertos do Jalapão em duas rodas e cruzou o continente europeu. Contudo, sua maior viagem é a literatura.
Ao estilo dos grandes escritores aventureiros como Ernest Hemingway e Jack Kerouac, Gaitero propõe uma literatura de entretenimento, longe do lugar comum. Sua escrita é dinâmica e envolvente, desligando seus leitores da rotina e os conectando a um estado de espírito pautado pela liberdade.

A Obra

G.Gaitero, em seu segundo romance, continua o estradeiro de sempre. Se em Backpackers Europa de Mochila (Editora LGE) ele conduzia seus personagens e leitores em uma grande jornada pela Europa, de norte a sul, tendo a mochila como equipamento e inspiração, é agora a motocicleta o veículo de sua imaginação. Contudo, nem a veracidade da estória, nem a intensidade de sua narrativa espontânea e coloquial, comprometem o lirismo de sua prosa. Especialmente nos capítulos em que Fino, amigo de Scott, se faz presente em seus poemas dirigidos ao protagonista, o texto se desenvolve em um emocionante diálogo entre duas pessoas separadas pelo tempo, entre a prosa e a poesia.

É justamente a amizade entre esses dois motociclistas o mote principal do livro. A mensagem da estória passa pela valorização das relações humanas, pelo resgate sempre possível dos sentimentos mais dignos que tendemos a perder com o tempo e a idade. A estrada representa esse aprendizado, com ensinamentos de homens, de motos e os poemas do fim do mundo.

Marco Scott é um advogado quarentão que passa por um período conturbado de sua vida. Desempregado, recém divorciado e com a desculpa de cumprir uma promessa feita a um velho amigo, ele se lança em uma grande aventura sobre duas rodas. Uma viagem de mais de 15 mil quilômetros de motocicleta pela América do Sul, até a cidade mais afastada do planeta, Ushuaia. Literalmente, “o fim do mundo”.

O personagem dessa empolgante estória transcende seu papel ficcional e passa a compartilhar com o leitor a grandiosa odisséia vivenciada pelo autor, na verdadeira viagem que deu origem ao romance. Junto com ele, o leitor atravessará as estepes desérticas da Patagônia, entre guanacos e ñandus. Percorrerá o litoral do Atlântico sul, visitando parques e reservas de vida selvagem com pinguins, leões e elefantes marinhos. Cruzará a Tierra del Fuego na Argentina até as montanhas andinas do Chile, com suas geleiras, lagos e icebergs, vivenciando, assim, uma experiência única que muitos sonham, mas poucos têm a coragem para realizar.

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.